Resultados 1 a 12 de 12

Tópico: 1200 GS Adventure 2008 vale a Pena?

  1. #1
    Avatar de fmdornelas

    Data de Ingresso
    05/2016
    Localização
    Vila Velha / ES
    Moto
    F 800 GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2013
    Posts
    10

    1200 GS Adventure 2008 vale a Pena?

    Olá pessoal!

    Estou interessado em trocar minha moto atual e entrar no mundo das bigtrails. Não estava pensando em fazer isso agora, mas surgiu uma oportunidade em uma GS 1200 Adventure 2008. A moto está com pouco menos de 30.000 km rodados.

    Pergunto a vocês que tem bem mais conhecimento, vale a pena uma GS 1200 Adventure 2008? Quais os prós e contras? O que devo observar?

    Obrigado.


    Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

  2. #2
    Avatar de Neander Carvalho

    Data de Ingresso
    11/2013
    Localização
    Arraial do Cabo / RJ
    Moto
    Tiger Explorer XC
    Marca
    Triumph
    Ano
    2015
    Posts
    941
    Amigo, tem um outro tópico aqui no portal falando exatamente sobre a questão de motos antigas com baixa quilometragem que vale a pena voce dar uma olhada...

    http://portalbigtrails.com.br/forum/...ad.php?t=12314

    Se voce conhece a procedência da moto seria um achado e tanto uma moto dessa com essa quilometragem. De acordo com os cálculos dá uma quilometragem anual de pouco mais de 3 mil km por ano... Olhe muito bem se não existem sinais de desgaste na moto como a borracha da manopla, data de validade dos pneus e tudo que possa indicar uma alteração no odômetro.

    Se achar que essa quilometragem é real pode ir que a moto é top!!!
    Mais importante do que alcançar o objetivo é aprender as lições que o caminho até ele ensina.

  3. #3
    Avatar de Luciano d

    Data de Ingresso
    12/2013
    Localização
    Santa Rita do Passa Quatro / SP
    Moto
    DL 650 V-STROM
    Marca
    Suzuki
    Ano
    2017/2018
    Posts
    1.863
    Opa, realmente é um achado e se conhece a procedência, ah meu amigo então ja é mais tranquilo, mais também não é tão difícil assim achar uma moto dessas com uma quilometragem baixa, cara que compra uma moto dessas só pra falar que tem, aí da uma volta ou duas e deixa a moto la parada na casa de praia ou no sítio.

    Outra coisa que precisa levar em conta é que se voce tem intenção de vender logo Eu não sei como é a revenda das bmw, pois não é uma moto barata né.

  4. #4
    Avatar de Prof Carlos

    Data de Ingresso
    04/2015
    Localização
    Uberlândia / MG
    Moto
    GS 1200 LC
    Marca
    BMW
    Ano
    14/15
    Posts
    30
    Se souber a procedência é muito bom. Mas o maior problema é viciar-se!

    Enviado de meu SM-P905M usando Tapatalk

  5. #5
    Avatar de LLuiz

    Data de Ingresso
    12/2011
    Localização
    Recife / PE
    Moto
    F800GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2012
    Posts
    5
    Caso prefira uma 2012 premium com 22.800 km, é só falar...

    Enviado de meu SM-G610M usando Tapatalk
    Luiz Ferreira
    Recife (PE)

  6. #6
    Avatar de Kadu

    Data de Ingresso
    10/2013
    Localização
    São Paulo / SP
    Moto
    R 1200 GS Adventure
    Marca
    BMW
    Ano
    2009
    Posts
    32
    Olá, espero que tenha comprado a excelente moto.
    O motor da R1200 GS e GSA, a ar, amacia nos 40.000km. Há GSA nas ruas com mais de 200.000km e você, certamente, iria ao Atacama na boa.
    O mais importante é saber a procedência da moto e se houve revisões em dia e os chamados de Recall OK.
    Na revisão dos 20.000km, as cc trocam muitos itens, até os que não precisam, mas é na revisão dos 40.000km, que você deixa um pouco mais de reais (R$ 2.000,00 pelo menos).
    O óleo (motul 5100 meu caso), é trocado a cada 5.000km. Veja se há trocas de óleo regulares ou pelo tempo, que talvez seja este caso. Óleo vencido não faz bem à esta usina de força.
    A dica do Neander sobre as manoplas é excelente. Elas vão desgastando e também por causa do aquecimento delas. Isto mostra o uso da moto.
    Minha GSA 2009 está com 80.000km e a maioria destes anos está na mesma toada.
    Portanto, se esta jóia estiver OK, troque o óleo e filtro do motor, óleo do cãmbio, óleo do cardã e graxa na base, fluído de freio (DOT 4),
    Os "klans klanks" que ouvir no cardã, são absolutamente normais. Alguma ou muita trepidação próximo dos 120km/h, são absolutamente normais.
    Pressão dos pneus: 36 no dianteiro e 41 no traseiro.
    Tenho 1,76 de altura e estou no limite da moto. Por causa do absurdo peso (256kg em ordem de marcha), todas os movimentos tem que ser muito bem pensados com antecedência. Ando com uma Falcon em São Paulo e às vezes faço movimentos típicos das trilhas. No trânsito ou devagar, na GSA, há MUITAS chances de você cair.
    Outra dica, procure sair sempre em linha reta, pois se sair com a roda dianteira esterçada e der algum bololó na aceleração, a moto cai no chão como uma pedra.
    Aprenda e treine bastante a jogada de cintura/quadril, para o caso de você parar a moto em algum desnível e o pé não alcançar no chão. Jogue o corpo todo para este lado, à ponto do joelho contrário encostar no banco. É como se você estivesse descendo da moto rápido.
    Não é porque o tanque de combustível é grande, que você vai enche-lo direto. Se não colocar gasolina podium, que dura bem mais, as outras vão estragar ao passar do tempo, caso você use pouco a moto.
    Ao contrário do que todo mundo faz, uso somente gasolina aditivada Shell ou Ipiranga. Há vários Foruns em conteste sobre isto e é muito legal ler todos.
    E para finalizar, senão vou ficar o dia todo escrevendo e, estou na empresa...risos...estou usando pneus Metzeler Tourance Next. Bom grip, silencioso, bom de chuva e se pegar um pequeno óleo na estrada, ele senti menos e você tem mais chances de não escorregar. Nada ou quase nada apropriado para terra pesada (trilha), mas esta não é a minha praia com esta moto. Nas curvas de alta, também não é o meu caso, ele é um pouco mole e dá uma sensação de samba. Para este perfil de piloto, o Anakee 3 é o recomendado, por ter a carcaça mais dura.
    Ia esquecendo. A GSA não é só para longas viagens. Pode usar no dia a dia e nos B&V solo ou com os amigos. A grande vantagem, fora o sorriso de orelha a orelha cada vez que você se aproxima da moto, é o conforto e os tantos acessórios, que não vem na GS e que custam uma pequena fortuna, para colocar.
    A moto já vem completa. Se o peso não for problema, o tamanho deste mamute vai te encher de orgulho, acredite!!!
    De resto, prudência e consciência nas estradas.
    Abs


    Citação Postado originalmente por fmdornelas Ver Post
    Olá pessoal!

    Estou interessado em trocar minha moto atual e entrar no mundo das bigtrails. Não estava pensando em fazer isso agora, mas surgiu uma oportunidade em uma GS 1200 Adventure 2008. A moto está com pouco menos de 30.000 km rodados.

    Pergunto a vocês que tem bem mais conhecimento, vale a pena uma GS 1200 Adventure 2008? Quais os prós e contras? O que devo observar?

    Obrigado.


    Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

  7. #7
    Avatar de LLM

    Data de Ingresso
    08/2015
    Localização
    Santa Rita do Sapucaí / MG
    Moto
    Tiger Explorer XCx
    Marca
    Triumph
    Ano
    2017
    Posts
    2.076
    Citação Postado originalmente por Kadu Ver Post
    Olá, espero que tenha comprado a excelente moto.
    O motor da R1200 GS e GSA, a ar, amacia nos 40.000km. Há GSA nas ruas com mais de 200.000km e você, certamente, iria ao Atacama na boa.
    O mais importante é saber a procedência da moto e se houve revisões em dia e os chamados de Recall OK.
    Na revisão dos 20.000km, as cc trocam muitos itens, até os que não precisam, mas é na revisão dos 40.000km, que você deixa um pouco mais de reais (R$ 2.000,00 pelo menos).
    O óleo (motul 5100 meu caso), é trocado a cada 5.000km. Veja se há trocas de óleo regulares ou pelo tempo, que talvez seja este caso. Óleo vencido não faz bem à esta usina de força.
    A dica do Neander sobre as manoplas é excelente. Elas vão desgastando e também por causa do aquecimento delas. Isto mostra o uso da moto.
    Minha GSA 2009 está com 80.000km e a maioria destes anos está na mesma toada.
    Portanto, se esta jóia estiver OK, troque o óleo e filtro do motor, óleo do cãmbio, óleo do cardã e graxa na base, fluído de freio (DOT 4),
    Os "klans klanks" que ouvir no cardã, são absolutamente normais. Alguma ou muita trepidação próximo dos 120km/h, são absolutamente normais.
    Pressão dos pneus: 36 no dianteiro e 41 no traseiro.
    Tenho 1,76 de altura e estou no limite da moto. Por causa do absurdo peso (256kg em ordem de marcha), todas os movimentos tem que ser muito bem pensados com antecedência. Ando com uma Falcon em São Paulo e às vezes faço movimentos típicos das trilhas. No trânsito ou devagar, na GSA, há MUITAS chances de você cair.
    Outra dica, procure sair sempre em linha reta, pois se sair com a roda dianteira esterçada e der algum bololó na aceleração, a moto cai no chão como uma pedra.
    Aprenda e treine bastante a jogada de cintura/quadril, para o caso de você parar a moto em algum desnível e o pé não alcançar no chão. Jogue o corpo todo para este lado, à ponto do joelho contrário encostar no banco. É como se você estivesse descendo da moto rápido.
    Não é porque o tanque de combustível é grande, que você vai enche-lo direto. Se não colocar gasolina podium, que dura bem mais, as outras vão estragar ao passar do tempo, caso você use pouco a moto.
    Ao contrário do que todo mundo faz, uso somente gasolina aditivada Shell ou Ipiranga. Há vários Foruns em conteste sobre isto e é muito legal ler todos.
    E para finalizar, senão vou ficar o dia todo escrevendo e, estou na empresa...risos...estou usando pneus Metzeler Tourance Next. Bom grip, silencioso, bom de chuva e se pegar um pequeno óleo na estrada, ele senti menos e você tem mais chances de não escorregar. Nada ou quase nada apropriado para terra pesada (trilha), mas esta não é a minha praia com esta moto. Nas curvas de alta, também não é o meu caso, ele é um pouco mole e dá uma sensação de samba. Para este perfil de piloto, o Anakee 3 é o recomendado, por ter a carcaça mais dura.
    Ia esquecendo. A GSA não é só para longas viagens. Pode usar no dia a dia e nos B&V solo ou com os amigos. A grande vantagem, fora o sorriso de orelha a orelha cada vez que você se aproxima da moto, é o conforto e os tantos acessórios, que não vem na GS e que custam uma pequena fortuna, para colocar.
    A moto já vem completa. Se o peso não for problema, o tamanho deste mamute vai te encher de orgulho, acredite!!!
    De resto, prudência e consciência nas estradas.
    Abs
    Muito bacana o seu relato

    Enviado de meu ASUS_Z012DC usando Tapatalk

  8. #8
    Avatar de Herbert

    Data de Ingresso
    09/2011
    Localização
    Rio de Janeiro / RJ
    Moto
    F 800 GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2012
    Posts
    17.381
    Citação Postado originalmente por fmdornelas Ver Post
    Olá pessoal!

    Estou interessado em trocar minha moto atual e entrar no mundo das bigtrails. Não estava pensando em fazer isso agora, mas surgiu uma oportunidade em uma GS 1200 Adventure 2008. A moto está com pouco menos de 30.000 km rodados.

    Pergunto a vocês que tem bem mais conhecimento, vale a pena uma GS 1200 Adventure 2008? Quais os prós e contras? O que devo observar?

    Obrigado.


    Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro
    Se a moto estiver em boas condições, se o proprietário mostrar que fez as revisões, que cuidou bem dela e o preço estiver dentro da faixa, vale a pena sim, com certeza. Uma R 1200 GS ano 2008 com 30.000 km é moto para rodar pelo menos mais uns 300.000 km.
    Herbert
    Administrador do Portal Bigtrails
    -----------------------------------------------




  9. #9
    Avatar de Herbert

    Data de Ingresso
    09/2011
    Localização
    Rio de Janeiro / RJ
    Moto
    F 800 GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2012
    Posts
    17.381
    Citação Postado originalmente por Luciano d Ver Post
    Opa, realmente é um achado e se conhece a procedência, ah meu amigo então ja é mais tranquilo, mais também não é tão difícil assim achar uma moto dessas com uma quilometragem baixa, cara que compra uma moto dessas só pra falar que tem, aí da uma volta ou duas e deixa a moto la parada na casa de praia ou no sítio.

    Outra coisa que precisa levar em conta é que se voce tem intenção de vender logo Eu não sei como é a revenda das bmw, pois não é uma moto barata né.
    Acho que se o Dornelas estiver feliz com a moto, e acredito que vai ficar sim, se não tiver vontade de mudar de estilo e não tiver nenhuma necessidade que o faça vender a moto, ele deve ficar com ela um booooom tempo.

    Dornelas, aproveite bem a moto. Use, rode, viaja e curta mesmo. Não se preocupe com a km. O que vc vai viver com ela rodando 100, 200 ou 300K kms não tem desvalorização que faça as suas conquistas perder valor.

    Eu tive uma F 800 GS desde 0 km e a vendi com 111K kms. Desvalorizou? Sim. Normal. Mas curti demais com a moto e farei o mesmo que a minha nova moto, uma KTM 990 Adv R. Com essa eu pretendo passar dos 200K kms de muita alegria e off-road.
    Herbert
    Administrador do Portal Bigtrails
    -----------------------------------------------




  10. #10
    Avatar de Herbert

    Data de Ingresso
    09/2011
    Localização
    Rio de Janeiro / RJ
    Moto
    F 800 GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2012
    Posts
    17.381
    Citação Postado originalmente por Kadu Ver Post
    Olá, espero que tenha comprado a excelente moto.
    O motor da R1200 GS e GSA, a ar, amacia nos 40.000km. Há GSA nas ruas com mais de 200.000km e você, certamente, iria ao Atacama na boa.
    O mais importante é saber a procedência da moto e se houve revisões em dia e os chamados de Recall OK.
    Na revisão dos 20.000km, as cc trocam muitos itens, até os que não precisam, mas é na revisão dos 40.000km, que você deixa um pouco mais de reais (R$ 2.000,00 pelo menos).
    O óleo (motul 5100 meu caso), é trocado a cada 5.000km. Veja se há trocas de óleo regulares ou pelo tempo, que talvez seja este caso. Óleo vencido não faz bem à esta usina de força.
    A dica do Neander sobre as manoplas é excelente. Elas vão desgastando e também por causa do aquecimento delas. Isto mostra o uso da moto.
    Minha GSA 2009 está com 80.000km e a maioria destes anos está na mesma toada.
    Portanto, se esta jóia estiver OK, troque o óleo e filtro do motor, óleo do cãmbio, óleo do cardã e graxa na base, fluído de freio (DOT 4),
    Os "klans klanks" que ouvir no cardã, são absolutamente normais. Alguma ou muita trepidação próximo dos 120km/h, são absolutamente normais.
    Pressão dos pneus: 36 no dianteiro e 41 no traseiro.
    Tenho 1,76 de altura e estou no limite da moto. Por causa do absurdo peso (256kg em ordem de marcha), todas os movimentos tem que ser muito bem pensados com antecedência. Ando com uma Falcon em São Paulo e às vezes faço movimentos típicos das trilhas. No trânsito ou devagar, na GSA, há MUITAS chances de você cair.
    Outra dica, procure sair sempre em linha reta, pois se sair com a roda dianteira esterçada e der algum bololó na aceleração, a moto cai no chão como uma pedra.
    Aprenda e treine bastante a jogada de cintura/quadril, para o caso de você parar a moto em algum desnível e o pé não alcançar no chão. Jogue o corpo todo para este lado, à ponto do joelho contrário encostar no banco. É como se você estivesse descendo da moto rápido.
    Não é porque o tanque de combustível é grande, que você vai enche-lo direto. Se não colocar gasolina podium, que dura bem mais, as outras vão estragar ao passar do tempo, caso você use pouco a moto.
    Ao contrário do que todo mundo faz, uso somente gasolina aditivada Shell ou Ipiranga. Há vários Foruns em conteste sobre isto e é muito legal ler todos.
    E para finalizar, senão vou ficar o dia todo escrevendo e, estou na empresa...risos...estou usando pneus Metzeler Tourance Next. Bom grip, silencioso, bom de chuva e se pegar um pequeno óleo na estrada, ele senti menos e você tem mais chances de não escorregar. Nada ou quase nada apropriado para terra pesada (trilha), mas esta não é a minha praia com esta moto. Nas curvas de alta, também não é o meu caso, ele é um pouco mole e dá uma sensação de samba. Para este perfil de piloto, o Anakee 3 é o recomendado, por ter a carcaça mais dura.
    Ia esquecendo. A GSA não é só para longas viagens. Pode usar no dia a dia e nos B&V solo ou com os amigos. A grande vantagem, fora o sorriso de orelha a orelha cada vez que você se aproxima da moto, é o conforto e os tantos acessórios, que não vem na GS e que custam uma pequena fortuna, para colocar.
    A moto já vem completa. Se o peso não for problema, o tamanho deste mamute vai te encher de orgulho, acredite!!!
    De resto, prudência e consciência nas estradas.
    Abs
    Excelentes informações. Não preciso falar mais nada. A não ser que dá para vc brincar e se divertir com ela no off. Claro, não dá para fazer o mesmo que fazemos com as KTMs 990, mas dá para curtir de montão um fora de estrada. Se quiser fazer o nosso curso é só avisar. Vai aprender muita coisa que poderá usar no off e TAMBÉM no on-road. Eu te darei um desconto especial para compensar o recente investimento. Fale comigo através do WhatsApp (21) 979-377-366.
    Herbert
    Administrador do Portal Bigtrails
    -----------------------------------------------




  11. #11
    Avatar de Rromagnani

    Data de Ingresso
    02/2014
    Localização
    São Paulo / SP
    Moto
    R1200GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2015
    Posts
    7.461
    Citação Postado originalmente por Herbert Ver Post
    Acho que se o Dornelas estiver feliz com a moto, e acredito que vai ficar sim, se não tiver vontade de mudar de estilo e não tiver nenhuma necessidade que o faça vender a moto, ele deve ficar com ela um booooom tempo.

    Dornelas, aproveite bem a moto. Use, rode, viaja e curta mesmo. Não se preocupe com a km. O que vc vai viver com ela rodando 100, 200 ou 300K kms não tem desvalorização que faça as suas conquistas perder valor.

    Eu tive uma F 800 GS desde 0 km e a vendi com 111K kms. Desvalorizou? Sim. Normal. Mas curti demais com a moto e farei o mesmo que a minha nova moto, uma KTM 990 Adv R. Com essa eu pretendo passar dos 200K kms de muita alegria e off-road.
    Penso exatamente assim também! O que a moto me proporciona é muito mais valioso do que o dinheiro que paguei por ela! Ela me proporciona momentos incríveis e experiências únicas! Me proporciona fazer amigos e passar horas papeando e dando boas risadas! Me proporciona momentos de reflexão dentro do capacete! Me proporciona conhecer lugares incríveis, passando frio, calor, enfrentando todos os tipos de estradas! Ela me fez descobrir que sou muito mais capaz do que imaginava e me faz sentir que a vida é muito mais do que trabalhar e resolver problemas!

    Depois de sofrer um acidente ainda garoto, deixei o medo dominar minhas ações durante 28 anos, uma das poucas coisas da vida que me arrependo e espero nunca mais repetir esse erro!

    Isso, podem acreditar, não tem dinheiro que pague!
    Boas curvas a todos
    Roberto

    Site - www.aventuraeliberdade.com.br
    Instagram - RROMAGNANI
    Canal Youtube - Aventura e Liberdade

  12. #12
    Avatar de matheus_

    Data de Ingresso
    09/2016
    Localização
    Limeira / SP
    Moto
    Tiger 800 XCX
    Marca
    Triumph
    Ano
    2016/2016
    Posts
    223
    Compra compra
    Matheus Corrêa - Limeira/SP
    Instagram - @ogrish_

    "Assim me tornei louco.E encontrei tanto liberdade como segurança em minha loucura: a liberdade da solidão e a segurança de não ser compreendido, pois aquele que nos compreende escraviza alguma coisa em nós."

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •