Resultados 1 a 12 de 12

Tópico: Período de troca de óleo suspensão dianteira

  1. #1
    Avatar de pigattogerber

    Data de Ingresso
    09/2015
    Localização
    Indaial / SC
    Moto
    Vstrom 1000 ABS
    Marca
    Suzuki
    Ano
    2015
    Posts
    52

    Período de troca de óleo suspensão dianteira

    Olá cavalheiros,

    Com quantos km's se troca o óleo da suspensão dianteira da V-Strom 1000 ABS?

    Procurei nos manuais mas nada!

    Informações da internet são extremamente subjetivas. Alguns falam que deve se trocar quando a suspensão fica dura. Outros quando fica mole de mais mas... nada de objetivo.

    O que acham? Já trocaram? qual a experiência pessoal de vocês?

    Abraço!

  2. #2
    Avatar de Samuel Singulano

    Data de Ingresso
    01/2017
    Localização
    Coimbra / MG
    Moto
    XT 660 R
    Marca
    Yamaha
    Ano
    2005
    Posts
    202
    Independente da moto e do manual, tanto o óleo da suspensão quanto fluído de freio e de radiador, eu troco a cada 6 meses. Na pior das hipóteses trocaria 1 vez ao ano.
    "Adventure é o piloto, a moto que se vire"

  3. #3
    Avatar de LLM

    Data de Ingresso
    08/2015
    Localização
    Santa Rita do Sapucaí / MG
    Moto
    Tiger Explorer XCx
    Marca
    Triumph
    Ano
    2017
    Posts
    2.021
    Citação Postado originalmente por Samuel Singulano Ver Post
    Independente da moto e do manual, tanto o óleo da suspensão quanto fluído de freio e de radiador, eu troco a cada 6 meses. Na pior das hipóteses trocaria 1 vez ao ano.
    A cada 6 meses?
    O fluído de radiador eu costumo trocar a cada 2 anos. Se baixar neste meio tempo, eu só completo.
    O fluído de freio eu troco junto com as pastilhas.

    Agora, óleo da suspensão é uma boa pergunta. Se ninguém me falasse nada, eu só iria trocar junto com os retentores, quando vazassem. Mas provavelmente deve haver uma forma preventiva para manter a suspensão sempre atuando de forma adequada. Vou ficar de olho aqui...

    Enviado de meu ASUS_Z012DC usando Tapatalk

  4. #4
    Avatar de Samuel Singulano

    Data de Ingresso
    01/2017
    Localização
    Coimbra / MG
    Moto
    XT 660 R
    Marca
    Yamaha
    Ano
    2005
    Posts
    202
    Citação Postado originalmente por LLM Ver Post
    A cada 6 meses?
    Eu uso a moto diariamente, média de 2k ao mês, ando na terra quase todo dia. A suspensão fica ruim rápido. Se usasse menos, só asfalto, trocaria 1x ao ano. O fluído do radiador é barato e fácil de trocar, e caso baixe muito o nível pode sobreaquecer o motor, não tem por que economizar. Dois anos é tempo demais pra qualquer item da moto, independente do uso.
    "Adventure é o piloto, a moto que se vire"

  5. #5
    Avatar de Luciano d

    Data de Ingresso
    12/2013
    Localização
    Santa Rita do Passa Quatro / SP
    Moto
    DL 650 V-STROM
    Marca
    Suzuki
    Ano
    2017/2018
    Posts
    1.863
    Tamo acompanhando .....

  6. #6
    Avatar de LLM

    Data de Ingresso
    08/2015
    Localização
    Santa Rita do Sapucaí / MG
    Moto
    Tiger Explorer XCx
    Marca
    Triumph
    Ano
    2017
    Posts
    2.021
    Citação Postado originalmente por Samuel Singulano Ver Post
    Dois anos é tempo demais pra qualquer item da moto, independente do uso.
    Seu uso parece se bastante extremo, o que talvez justifique essa periodicidade. Mas ainda acho que 6 meses é pouquíssimo tempo.

    O manual da minha moto estabelece a troca do fluído de arrefecimento a cada 3 anos. Trocando a cada 2, ainda estou sendo bastante conservador...





    Já para o fluído de freio, o manual recomenda 2 anos.

    Mas isso é off topic. A questão mesmo é a periodicidade do óleo da suspensão. Neste caso, a recomendação do manual é a cada 64 mil quilômetros.

    Mas isso é para a minha moto. A DL1000 pode ter outra periodicidade, mas duvido que seja algo inferior a 3 anos de uso / 30 mil km.


  7. #7
    Avatar de Samuel Singulano

    Data de Ingresso
    01/2017
    Localização
    Coimbra / MG
    Moto
    XT 660 R
    Marca
    Yamaha
    Ano
    2005
    Posts
    202
    Manutenção conforme manual, ao meu ver, sempre deveria ter opção de km ou tempo. 64 mil km é bastante pra quem roda muito. Pra quem roda pouco é uma eternidade. Sei que algumas pessoas só fazem manutenção corretiva, sei que algumas pessoas ficam 10 anos com a moto e vende depois sem nunca ter feito uma manutenção decente. Fora os mecânicos que cobram pelo serviço mas não o executam. Fora as motos zero km que saem da cc sem graxa nos rolamentos, entre outros detalhes. Trocar um fluído nunca é só a troca do fluído em si, é conferir o sistema relacionado por inteiro, cada porca e parafuso, cada item, reapertar tudo corretamente. Como confiar numa máquina ou num sistema desta máquina após 2 anos sem inspeção?
    "Adventure é o piloto, a moto que se vire"

  8. #8
    Avatar de LLM

    Data de Ingresso
    08/2015
    Localização
    Santa Rita do Sapucaí / MG
    Moto
    Tiger Explorer XCx
    Marca
    Triumph
    Ano
    2017
    Posts
    2.021
    No caso do fluído de arrefecimento, a inspeção é feita regularmente, inclusive completando o nível quando necessário. Apenas a troca completa é feita a cada 3 anos, segundo o manual.

    No caso do óleo da suspensão, não me aprece ser algo crítico. Então, se não houver vazamentos no retentor e não houver sintomas, como shimming por exemplo, não vejo porque não seguir o manual do fabricante. Afinal, os engenheiros que projetaram a moto têm muito mais condições de prever a periodicidade da manutenção do que eu. Mas isso é o que eu sigo e o que me parece ser mais razoável.

    Enviado de meu ASUS_Z012DC usando Tapatalk

  9. #9
    Avatar de MJT

    Data de Ingresso
    11/2013
    Localização
    Curitiba / PR
    Moto
    F800GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2013
    Posts
    1.077
    Citação Postado originalmente por LLM Ver Post
    No caso do fluído de arrefecimento, a inspeção é feita regularmente, inclusive completando o nível quando necessário. Apenas a troca completa é feita a cada 3 anos, segundo o manual.

    No caso do óleo da suspensão, não me aprece ser algo crítico. Então, se não houver vazamentos no retentor e não houver sintomas, como shimming por exemplo, não vejo porque não seguir o manual do fabricante. Afinal, os engenheiros que projetaram a moto têm muito mais condições de prever a periodicidade da manutenção do que eu. Mas isso é o que eu sigo e o que me parece ser mais razoável.

    Enviado de meu ASUS_Z012DC usando Tapatalk
    Concordo plenamente, se as suspensões estão funcionando adequadamente, sem vazamentos, por quê abrir?
    MJT - Marcio

  10. #10
    Avatar de otom

    Data de Ingresso
    09/2015
    Localização
    Petrolina / PE
    Moto
    DL v strom 1000A
    Marca
    Suzuki
    Ano
    2016/17
    Posts
    848
    Citação Postado originalmente por MJT Ver Post
    Concordo plenamente, se as suspensões estão funcionando adequadamente, sem vazamentos, por quê abrir?
    Também concordo plenamente, só troco os da minha quando vaza tb ou a cada 30k, a cada 6 meses ou 6k dependendo da moto é óleo do motor.
    Irmandade, Igualdade e Humildade.

  11. #11
    Avatar de LeoRJ

    Data de Ingresso
    02/2013
    Localização
    Pucón - Chile / RJ
    Moto
    1290 S Super Adventure
    Marca
    KTM
    Ano
    2018
    Posts
    634
    Na XT tem que trocar periodicamente mesmo, pois o óleo vai afinando e a moto fica molenga. A minha eu trocava toda vez que fazia manutenção e fazia muita diferença. Já a as outras motos que tive, nunca troquei. A XT1200Z foram 4 anos sem trocar óleo ou retentor e nesse período a suspensão continuou firme como de fábrica.

  12. #12
    Avatar de MJT

    Data de Ingresso
    11/2013
    Localização
    Curitiba / PR
    Moto
    F800GS
    Marca
    BMW
    Ano
    2013
    Posts
    1.077
    Citação Postado originalmente por LeoRJ Ver Post
    Na XT tem que trocar periodicamente mesmo, pois o óleo vai afinando e a moto fica molenga. A minha eu trocava toda vez que fazia manutenção e fazia muita diferença. Já a as outras motos que tive, nunca troquei. A XT1200Z foram 4 anos sem trocar óleo ou retentor e nesse período a suspensão continuou firme como de fábrica.
    É o que acontece na minha F800gs. Está tudo muito bem. Na realidade vejo que criam-se muitos mitos e complicações que nunca havia visto antes. Tem muitos mecânicos por aí que exploram a ingenuidade dos proprietários. Enfim, cada um faz o que quer na sua moto mas tem algumas situações bizarras tipo trocar óleo 2k km antes do necessário e moto com uso normal, para garantir uma suposta longevidade ao motor........ Isso é apenas jogar óleo bom fora!
    MJT - Marcio

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •